Quando os justos florescem, o povo se alegra, quando os ímpios governam, o povo geme. (proverbio)